Professor é morto a facadas em Várzea Alegre; No local, havia material para tortura

ASSASSINADO EM CASA

Um homem foi morto a facadas nesta segunda-feira (12). O professor de português José Cláudio Gonçalves, de 51 anos, foi encontrado ainda vivo na própria residência, na cidade de Várzea Alegre, na região do Cariri, a 446 km de Fortaleza.

A vítima foi conduzida ao hospital pela equipe do Samu, mas não resistiu. Em perícia realizada no local do crime, a polícia teria encontrado uma arma. As informações são do portal Várzea Alegre Agora.

Ainda de acordo com a reportagem, a polícia informou que ao chegar ao local do crime encontrou o homem gritando por socorro e logo identificou diversas perfurações no corpo.

O representante comercial, que morava no bairro Zezinho Costa, foi conduzido pela equipe do Samu ao Hospital São Raimundo Nonato e depois transferido para o Hospital Regional do Cariri, em Juazeiro do Norte.

Na perícia realizada no local, segundo informações do portal, foram encontrados uma arma tipo combate e um carro Gol 1.0, de 2006, cor preto, placa HXR 2004. Dentro do veículo havia corda, luvas, fitas isolantes e adesivas, lanterna, sacos pretos e álcool em gel.

A polícia ainda disse que as placas estavam adulteradas com fitas adesivas. Além disso, um smartphone foi encontrado e apreendido assim como o carro, que está no pátio da delegacia. O corpo de José Cláudio está no rabecão do IML da cidade de Iguatu.

Tribuna do Ceará

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.